A menina que brincava com fogo, Stieg Larsson (Segundo da Trilogia Millenium)

Lisbeth Salander não é, definitivamente, uma garota comum. Não devido a seu estilo: cabelo curto e moicano, piercings, brincos e tatuagens. Não apenas isso. Afinal esse estilo é até comum entre os jovens da Alemanha, onde nasceu nossa personagem. Ela é diferente por sua incrível inteligência matemática e para lidar com computadores, ela consegue hackear qualquer um e isso a ajuda muito no decorrer da história. Ódio e amor a cerca, durante todos os livros, mas esse parece ser o mais tranquilo, pelo que entendi, mesmo que ainda não tenha lido os outros. Interessante e sério, sabemos sobre a vida da personagem e de quem o cerca as mazelas que cercam qualquer um, digo, talvez cercam. Relações de abuso e violência doméstica são retratadas. É dada uma leve pincelada sobre as paixões de Lisbeth, não o que ela gostaria de fazer, apenas, mas com quem se envolveu no livro passado e neste. Uma dessas paixões é essencial para salvá-la de uma enrascada no fim do livro. Não conto mais nada. Se há interesse na história, leia a trilogia ou apenas o livro em questão aqui:

A Menina Que Brincava Com Fogo – Stieg Larsson

Stieg Larsson – Trilogia Millenium Completa

Obs: Junto das fotos do livro e do filme estão algumas do próprio autor da trilogia, ele é o homem de óculos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s